Air fry – Conheça a penela para fritura sem óleo

Por : | 2 Comentários | On : 13 de fevereiro de 2014 | Categoria : Equipamentos

Air fry

Conhecendo a Air fry

O que falar desta panela? Diferente da Actifry que realmente é uma boa panela e da Airfryer que também não deixa de ser uma panela, a Air fry é simplesmente um cesto.

Com proposta totalmente diferente das demais, a Air fry me conquistou assim que tomei conhecimento da sua existência. A ansiedade para testar o novo brinquedo era tão grande que eu não consegui nem dormir. Quando ela finalmente chegou eu tratei de iniciar os experimentos.

O funcionamento da Air fry é simples, porém me pareceu perfeito. Um cesto aramado que gira constantemente forçando o alimento a se mover, o que em teoria permitiria a distribuição das gorduras e temperos, bem como a realização de uma fritura homogênea.

Além disso, o cesto aramado permitiria que a gordura dos alimentos escorresse, tornando as refeições mais leves menos calóricas. Parecia ter encontrado o híbrido perfeito entre os dois modelos que já possuía (Actifry e Airfryer ).

Pura decepção! Vamos às experiências que já realizei com ela:

 

Batata frita tradicional

Batata frita

O resultado foi muito bom. A batata foi frita homogeneamente e a colher de óleo que eu adicionei foi distribuída por toda a batata. Resultado tão bom quanto o obtido na Actifry.

Batata frita fina

Eu queria muito conseguir fazer uma batata frita super fina com a Air fry. Para quem nunca fez, essa batata é semelhante a tradicional, porém com metade do tamanho (não no comprimento e sim na altura e largura). Este corte fica lindo nos pratos.

O resultado? Foi péssimo! Como os palitos eram muito finos, passavam pela grade do cesto e acabavam queimando. O resultado, mesmo após várias tentativas, foram batatas fritas com ambas as pontas queimadas.

Batatas Gaufrette

Batatas Gaufrette

Também conhecidas como Batatas Rendinha ou Batata Prussiana, é a forma mais elegante e refinada de batata frita. Muito simples de ser feita (clique aqui para ver a receita), era meu sonho conseguir prepará-la sem usar a fritura por imersão.

Outro desastre. Por ser muito fina e leve, a medida que a grade do cesto esquenta muitas ficam presas a ele e acabam queimando. Outras dobram prejudicando a fritura e estragando o formato final. Veja como prepará-las aqui.

Churrasco (espetinhos)

Espetinho de carne

Certa vez me ocorreu que a alta temperatura de preparo e o cesto giratório seriam ideais para a preparação de churrasco em espeto de bambu. Mais uma vez, parti para a experiência. O resultado final (aparência, sabor, maciez) me satisfez muito. Enfrentei algum problema com os espetos de bambu, que de tempos em tempos saiam pela trama do cesto e acabavam queimando. Este problema foi facilmente resolvido deixando os espetos de molho por 30 minutos em água. Essa técnica é muito usada mesmo quando preparados em churrasqueiras convencionais. O problema que não teve solução foi a fumaça. Na verdade, apesar de possuir uma bandeja para recolher gordura, qualquer alimento gorduroso (linguiça, coração de frango, espetos!, etc) que utilizei acabou espirrando gordura na resistência da máquina e a fumaça foi inevitável. Assim, mesmo ficando deliciosos não é viável a utilização dessa panela para preparar este tipo de alimento.

Ao longo dos meses fiz várias outras experiências, nenhum resultado que mereça ser comentado. Com exceção da Castanha Portuguesa.

Castanha Portuguesa

Quando me ocorreu preparar castanha portuguesa na máquina não podia imaginar o quão prático e saboroso seria. Para quem não conhece, essa castanha é comumente vendida nas ruas de diversos países europeus. É tradicionalmente assada em uma placa de ferro que fica acima de um braseiro. Com uma colher de pau o vendedor vai mexendo constantemente as castanhas. A máquina conseguiu recriar perfeitamente o processo. Inclusive o leve defumado do braseiro foi recriado por alguns pedaços de casca que se soltaram e acabaram queimando na resistência da panela.

castanha20237e39_400x225

Quem quiser preparar a castanha nessa panela não pode se esquecer de cortar uma das pontas dela e deixar de molho em uma salmoura por 30 minutos. Depois é só secar e colocar na panela.

Conclusão:

Airfry

A não ser que você seja fanático por Castanhas Portuguesas, não compre essa panela.

Mais informações: Site do fabricante

Share This Post!

Comentários (2)

  1. postado por Alfredo em 6 de novembro de 2016

    Obrigado pelas informações. Muito boa sua praia. Parabéns.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Optimization WordPress Plugins & Solutions by W3 EDGE