Background Image
1 0
Chashu: receita de barriga de porco japonesa

Compartilhe em suas redes sociais:

Ou você pode simplesmente compartilhar a URL

Ingredientes

Quantidade de porções
1 kg Barriga de porco
10 ramos Cebolinha
70g Gengibre (1 ramo inteiro)
360ml Molho de soja (1.5 copos)
240ml Sakê mirin (1 copo)
150g Açúcar refinado
40ml Molho de ostras (2 colheres de sopa)
120ml Vinagre de arroz (0.5 copo)
480ml Água (2 copos)
Barbante

Informação Nutricional

80g
Porção
560
Calorias
39
Proteínas
18
Gorduras
6
Saturadas
0
Trans.
61
Carb.
0
Colesterol
0
Fibras
3442
Sódio
31
Açúcar

Marque essa receita

Você precisa fazer login ou se cadastrar para marcar este conteúdo.

Chashu: receita de barriga de porco japonesa

Tipo:
  • Carnes
Cozinha:

    O Chashu é uma receita cantonesa originalmente, que foi adota à culinária japonesa, também sendo conhecida como "Nibuta" por lá. É uma peça extremamente saborosa e macia, que serve como acompanhamento em diferentes pratos asiáticos e ainda produz um delicioso e versátil caldo agridoce após seu preparo.

    • 150 min
    • Porções 8
    • Média dificuldade

    Ingredientes

    Instruções

    Compartilhar

    Na receita original japonesa, a pele adjacente ao corte da barriga do porco é selada e preparada junto à peça como um todo, porém no ocidente é mais comum que se retire a pele.

    É importante destacar, entretanto, que a cocção da peça sem a pele resulta numa maior renderização da gordura da barriga durante o cozimento, uma vez que a pele serve como uma capa protetora que retém essa gordura no interior da peça.

    Portanto, se sua preferência for uma carne de porco mais gorda, recomendo que tente fazer a receita com a pele ainda atada.

    Passos

    1
    Feito
    10 min

    Preparo da peça

    Abra a barriga de porco sobre uma superfície limpa e espaçosa. Se for optar pelo preparo sem a pele, use uma faca longa e bem afiada, posicione a lâmina na derme da barriga, que é no encontro da parte interior da pele e do tecido adiposo, e comece a cortar em sentido horizontal até a outra extremidade da barriga, inclinando a faca levemente para cima para evitar remover muito da camada gordurosa.
    Posicione a camada de carne interior da barriga virada para cima e comece a enrolá-la a partir de uma das extremidades, em sentido horizontal, até obter uma peça em formato de rocambole. Separe vários fios de barbante já cortados, de tamanho suficiente para envolver todo o diâmetro da sua peça, e comece a amarrá-los de uma ponta até a outra, com um simples nó bem apertado. Caso alguma parte da barriga esteja sendo espremida para fora, aplique mais um fio de barbante por cima. Corte o excesso de barbante dos nós amarrados com uma tesoura e certifique-se que sua peça está firme e apertada.

    2
    Feito
    5 min

    Preparo do caldo

    Corte o gengibre em pequenas lâminas e corte os ramos de cebolinha pela metade. Adicione a uma panela larga com tampa todos os ingredientes listados: a água, shoyu, mirin, açúcar, molho de ostras, vinagre, o gengibre e a cebolinha. Leve ao fogo alto e deixe ferver.

    3
    Feito
    135 min

    Cozinhando a peça

    Antes de introduzir a barriga ao caldo, leve-o a uma frigideira larga suficiente com uma pitada de óleo vegetal ou azeite de oliva e deixe cada lado da peça selar por pelo menos 1 minuto, até que todo o exterior esteja levemente dourado. O ideal seria realizar esse passo cerca de 15 minutos depois de preparar seu caldo, quando ele está começando a ferver, pois assim você pode adicionar a barriga já selada diretamente à panela, sem ter que deixa-lá esperando o ponto do caldo.
    Introduza a carne à panela e cubra com uma tampa, deixando uma pequena fresta para o vapor escapar. Gire sua peça por completo à cada 15 minutos de cocção, durante 2 horas (8 vezes), para que a barriga inteira seja devidamente envolta e marinada pelo caldo.

    4
    Feito

    Após as duas horas de cozimento, sua barriga está devidamente cozida e pronta para ser servida. Corte-a longitudinalmente em finas fatias e aprecie como quiser, em um sanduíche, em um lamên ou até mesmo individualmente!
    Vale lembrar que o caldo reduzido que sobrou na panela também é extremamente delicioso. Pode-se adicionar um pouco sobre sua carne como molho, ou separe-o em uma vasilha e espere algumas horas para que a gordura se solidifique na superfície para removê-la facilmente com uma colher. Retire também os pedaços restantes de gengibre e cebolinha e deixe na geladeira ou no freezer para usar em outras receitas.

    Avaliações da Receita

    Ainda não existe avaliaçõe para essa receita, deixe a sua avaliação no formulário abaixo
    Suco DETOX de morango, maçã verde e limão
    anterior
    Suco DETOX de morango, maçã verde e limão
    Enrolado de presunto e queijo de padaria
    próximo
    Enrolado de presunto e queijo de padaria
    Suco DETOX de morango, maçã verde e limão
    anterior
    Suco DETOX de morango, maçã verde e limão
    Enrolado de presunto e queijo de padaria
    próximo
    Enrolado de presunto e queijo de padaria

    Deixe o seu comentário