Background Image
0 0
Angu Mineiro

Compartilhe em suas redes sociais:

Ou você pode simplesmente compartilhar a URL

Ingredientes

Quantidade de porções
2 xícaras Fubá
750ml Água
1 colher para café Sal

Informação Nutricional

200g
Porção
234
Calorias
7
Proteínas
1
Gorduras
0
Saturadas
52
Carb.
0
Fibras
254
Sódio

Marque essa receita

Você precisa fazer login ou se cadastrar para marcar este conteúdo.

Angu Mineiro

Tipo:
  • Outros
Cozinha:

O angu mineiro é diferente do baiano, não leva nenhum tempero. É feito apenas com fubá de milho, água e sal, ele é um acompanhamento neutro.

  • 15min
  • Porções 4
  • Fácil

Ingredientes

Instruções

Compartilhar

Muito simples de se preparar, a regra básica é usar 2 medidas e meia de água para cada medida de fubá.

 

Passos

1
Feito

Em uma panela média fora do fogo, mistura-se primeiro o fubá com duas xícaras de chá de água fria. Depois que estiver totalmente dissolvido acrescenta-se o restante da água. Acender o fogo baixo e levar o angu para cozinhar mexendo sempre. Tempere com sal se desejar, eu prefiro sem nada. Também é possível acrescentar mais temperos, até mesmo um caldo de galinha.

2
Feito

Você vai precisar cozinhar de 10 a 15 minutos mexendo sempre para não queimar. O ponto certo depende do gosto. Alguns preferem um angu mais firme, outros mais cremoso. A experiência vai te ajudar a ajustar o ponto certo. Depois de 10 minutos o fubá estará cozido, portanto o tempo de cozimento adicional vai influenciar apenas na consistência do angu.

3
Feito

Quando estiver ponto despeje o angu em uma forma ou prato fundo. Antes disso passe uma água pela forma escorrendo o excesso. Isso vai evitar que o angu grude. Deixe esfriar por 15 minutos na geladeira.

Alexandre Litwinski

Ele é um Analista de Sistemas mineiro que passou por uma grande evolução nessa vida! De uma pessoa que simplesmente não gostava de comer (eu não sei como isso é possível) para um talentoso e curioso cozinheiro de mão cheia.

Avaliações da Receita

Ainda não existe avaliaçõe para essa receita, deixe a sua avaliação no formulário abaixo
Farofa de mandioca
anterior
Farofa de mandioca
Falso Galeto desossado com polenta frita
próximo
Falso Galeto desossado com polenta frita
Farofa de mandioca
anterior
Farofa de mandioca
Falso Galeto desossado com polenta frita
próximo
Falso Galeto desossado com polenta frita

8 Comentários Esconder comentários

Hummmm delícia, apenas acrescento 1 colher (sopa) de manteiga e 1 fio de óleo de soja. Vocês poderiam, por gentileza, publicar como fazer a tão famosa rapa do angu. Obrigada!!!

O angu tradicional mineiro não vai sal.. e só fubá de moinho de água e água . Ele fica assim neutro e acompanhado de coisas bem temperada tipo carne de panela.costelas,torresmo coisas com tempero bem forte ele ajuda equilibrar tudo fica uma delícia

Sempre volto aqui pra relembrar as proporções pq ando com a mente cansada e acabo me esquecendo. Mas dá certinho. Um detalhe importante da sua receita é colocar o fubá no total de água fria e depois levá-la ao fogo. Esse simples detalhe é mto importante para que dê a famosa “rapa de angu”que as crianças amam. Se dissolver o fubá em um pouco de água fria e depois despeja-la sobre a água fervendo, não vai dar a rapa. Outro segredo para quem ama a famosa rapinha é qdo o angu endurecer, evitar de ficar mexendo. Deixe tampado e de vez em quando dê uma mexida vigorosa pra “amassar” o angu, como diziam os antigos aqui de Minas. Quanto mais tempo no fogo, mais grossa será a rapa. Aqui, casa de mineiros interioranos, as crianças amam angu, acabei descobrindo alguns segredinhos. Também preferimos sem sal, mas acrescento um fiozinho de óleo, como mãe me ensinou. Parece desnecessário, mas, pra gente que acostumou assim faz mta diferenca. Qdo comemos um que não leva esse fiozinho de óleo, percebemos na hora a diferença no sabor. Gosto da sua receita pq sabendo essas proporções, dá pra fazer a quantidade que quisermos. Seguindo as receitas dos outros sites, fico perdida sem saber ql a proporção qdo quero fazer a mais. Mto obrigada! Uma receita simples, mas, representativa de uma parte da população.

Olha,desculpe pelo o q vou dizer… Vi uma reportagem da D.Lucinha,q o angu deve ficar no fogo baixo uma HR e meia ou mais,p q fique totalmente cozido. Nunca deixar cozinhar só por alguns minutos pq fica cru e causa azia no estômago.
Sempre q minha família faz angu por poucos minutos,tds reclamam de azia,mas qnd deixo cozinhar da forma q aprendi com a d.lucinha,tds comem td e nunca passam mal.

Deixe o seu comentário